Homem que matou desafeto por causa de conserto de aparelho DVD vai a júri

Porto Velho, RO - O juízo da 2ª. Vara do Tribunal do Júri de Porto Velho marcou para o dia 22 de outubro de 2021 o julgamento do amazonense Raimundo Nonato Leo Cabral, 35 anos, acusado do assassinato de Eliano Carvalho de França, de 37, após uma discussão por causa do conserto de um aparelho de DVD. Raimundo responderá pelo crime de homicídio qualificado. 

O crime aconteceu na tarde de 6 de setembro do ano passado, na rua Francisco Fontenele, em Vila Princesa, localizada na zona rural de Porto Velho, na BR-364, região do antigo lixão. Segundo a denúncia, a vítima queria que o acusado realizasse um novo reparo no aparelho, que voltou a apresentar defeitos, após o serviço ter sido feito e pago dias antes do crime. 

O acusado estava morando na casa do irmão da vítima, onde aconteceu o crime. Eliano foi atingido com uma facada no tórax e morreu no local, após discutir com Raimundo Nonato sobre o conserto do aparelho. Raimundo foi preso em flagrante horas depois pela Polícia Militar. O julgamento está marcado para começar as 8 horas da manhã.


 

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu